Pesquisar

Translate

29 de mai de 2010

TIPOS DE CRISTAIS




IÔNICO MOLECULAR COVALENTE METÁLICO
Unidades estruturais cátions e ânions moléculas ou átomos átomos íons positivos
Forças que mantêm o sólido unido atração eletrostática forças de London, dipolo permanente e ligações de hidrogênio ligações covalentes atração eletrostática entre cátions e a nuvem eletrônica
Propriedades duros, quebradiços, elevados pontos de fusão e ebulição, condutores quando em solução aquosa ou fundidos macios, baixos pontos de fusão e ebulição, maus condutores muito duros, elevados pontos de fusão e ebulição, maus condutores duros a moles, de baixos a altos pontos de fusão e ebulição, bons condutores
Exemplos sal comum (NaCl), calcário (CaCO3), nitrato de potássio (KNO3) gelo comum (H2O), gelo seco (CO2), açúcar (C12H22O11), iodo (I2) diamante (Cn), grafite (C), carborundo (SiC), quartzo (SiO2), carbeto de tungstênio (WC) Fe, Au, Ag, Cu, Na, Ca, Hg

Observações importantes:
1. No estado sólido os compostos iônicos são maus condutores de eletricidade, porque os íons são mantidos de forma rígida na estrutura. Todavia, quando fundidos ou em solução aquosa, os íons estão livres para se locomover e os compostos iônicos tornam-se bons condutores.
2. Os cristais moleculares são maus condutores porque os elétrons estão ligados às moléculas individuais e não estão livres para se moverem através do sólido.
3. Os cristais covalentes são maus condutores de eletricidade porque os elétrons, nos sólidos, estão localizados nas ligações covalente e não estão livres para se mover através do cristal. Apenas o grafite por apresentar elétrons pi torna-se bom condutor.
4. Os metais são bons condutores por apresentarem elétrons que podem mover-se livremente.

CRISTAIS LÍQUIDOS
Certas substâncias, numa faixa de temperatura imediatamente acima dos seus pontos de fusão, exibem propriedades de líquido ( movimento, escoamento, sem padrão de ordenamento) e sólido (elevada ordenação, rigidez), simultaneamente. São denominadas cristais líquidos. Elas são fluidas, mas suas moléculas estão posicionadas numa maneira altamente ordenada. Em temperaturas acima desta faixa a sua organização é perdida e elas tornam-se semelhantes a quaisquer outros líquidos.

Existem três tipos de cristais líquidos:
a) Cristal nemático - as moléculas são em forma de bastões e estão arranjadas perfeitamente.
b) Cristal esmético - as moléculas também são em forma de bastões arranjadas perfeitamente e em camadas.
c) Cristal colestérico - as moléculas também estão em camadas, mas arranjadas paralelamente às camadas de forma nemática, com orientações ligeiramente diferentes de uma camada para outra.

As substâncias utilizadas nos mostradores de cristal líquido dos relógios e calculadoras são cristais líquidos nemáticos



Elaboração: Prof. Paulo Silva